• Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim

​Solitários, frustrados e incapazes de realizar qualquer coisa que dê sentido às suas vidas, Vladimir, Clivia, Regina e Primo armam um plano absurdo: sequestrar um milionário. Mas eles não têm nenhuma experiência com crimes nem noção do que essa operação pode envolver. Enquanto tomam as providências práticas, revelam-se seus medos e ambições.​

Julia Rezende

Julia Rezende

Estreou na direção de longas-metragens em 2013, com Meu passado me condena, que levou 3,4 milhões de espectadores aos cinemas. Em 2015, lançou dois filmes, o romance Ponte aérea e Meu passado me condena 2. Em 2016, lançou a comédia Um namorado para minha mulher.