• Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim
  • Como é cruel viver assim

​Solitários, frustrados e incapazes de realizar qualquer coisa que dê sentido às suas vidas, Vladimir, Clivia, Regina e Primo armam um plano absurdo: sequestrar um milionário. Mas eles não têm nenhuma experiência com crimes nem noção do que essa operação pode envolver. Enquanto tomam as providências práticas, revelam-se seus medos e ambições.​

Julia Rezende

Julia Rezende

Estreou na direção de longas-metragens em 2013, com Meu passado me condena, que levou 3,4 milhões de espectadores aos cinemas. Em 2015, lançou dois filmes, o romance Ponte aérea e Meu passado me condena 2. Em 2016, lançou a comédia Um namorado para minha mulher.

 




SESC GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA CULTURA ANCINE FSA BRDE CIMA CANAL BRASIL CANAL CURTA ADORO CINEMA IEH TELECINE GLOBO FILMES FIRJAN CAIXA SEGURADORA PETROBRAS LEI DE INCENTIVO A CULTURA