• Être vivant et le savoir
  • Être vivant et le savoir
  • Être vivant et le savoir
  • Être vivant et le savoir
  • Être vivant et le savoir

​A escritora Emmanuèle Bernheim e o cineasta Alain Cavalier foram amigos por 30 anos. Os dois estão preparando um filme baseado na autobiografia dela, Tout s'est Bien Passé (Tudo correu bem), obra em que a autora conta como seu pai pediu ajuda para dar um fim à vida depois de sofrer um ataque cardíaco. Cavalier quer interpretar o pai, enquanto Emmanuèle faria o papel de si mesma. Um dia, ela avisa que o projeto deve ser adiado, já que vai passar por uma operação de urgência. A partir daí, os caminhos do filme e da vida de todos mudam radicalmente. Festival de Cannes 2019.​

Alain Cavalier
Alain Cavalier

Alain Cavalier

​Depois de cursar História, frequentou o Institut des Hautes Etudes Cinématographiques. Alain Cavalier chegou à maturidade como cineasta durante a Nouvelle Vague - foi assistente de Louis Malle em Ascensor para o Cadafalso, mas tinha visão própria. Ganhou notoriedade com thrillers políticos e, nos últimos anos, criou trabalhos mais filosóficos, como Thérèse (1986), vencedor dos César de melhor filme e melhor diretor. ​