• Il-dae-il
  • Il-dae-il
  • Il-dae-il
  • Il-dae-il
  • Il-dae-il
  • Il-dae-il
  • Il-dae-il

Uma jovem estudante é brutalmente assassinada. Um dos sete homens envolvidos no crime é sequestrado por uma tropa de elite a caminho de casa. Ele é torturado e obrigado a assinar uma confissão do crime, e é tomado por ataques de pânico quando lembra que pensava ser invencível. No entanto, ele descobre depois que outros envolvidos no caso também foram sequestrados, torturados e que houve até um suicídio. Com suspeitas sobre as pessoas que o sequestraram, ele segue a próxima vítima e descobre seu esconderijo. Do diretor Kim Ki-Duk (Pietá, Moebius). Venice Days, Festival de Veneza 2014.

Kim Ki-duk

Kim Ki-duk

Nasceu em 1960 na Coreia do Sul. Estreou na direção com Crocodile (1996). Entre seus filmes, destacam-se Casa vazia (2004), vencedor do Leão de Prata de melhor direção em Veneza, Samaritan Girl (2004), Urso de Prata no Festival de Berlim, O arco (2005) e O fôlego (2007), ambos exibidos em Cannes. Por Arirang (2011), recebeu o prêmio de melhor filme da mostra Um Certo Olhar, em Cannes. Com Pietá, foi o grande vencedor de Veneza 2012.

 

 




SESC GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA CULTURA ANCINE FSA BRDE CIMA CANAL BRASIL CANAL CURTA ADORO CINEMA IEH TELECINE GLOBO FILMES FIRJAN CAIXA SEGURADORA PETROBRAS LEI DE INCENTIVO A CULTURA