• Memorias del subdesarrollo
  • Memorias del subdesarrollo
  • Memorias del subdesarrollo
  • Memorias del subdesarrollo
  • Memorias del subdesarrollo

Em 1962, logo após a Revolução de Fidel Castro em Cuba, Sérgio, um homem de 38 anos, de classe média alta, vê sua mulher e seus amigos fugirem da ilha e do comunismo. Ele não quer partir, não porque seja um revolucionário, mas por curiosidade em saber o que vai acontecer. Enquanto o regime avança, ele perambula pelas ruas de Havana e observa seus conterrâneos. Obra-prima do mestre Tomás Gutiérrez Alea, o filme é considerado um dos mais importantes do cinema latino-americano e o principal registro do cinema cubano sobre sua revolução socialista. Exibição em cópia restaurada.

Tomás Gutiérrez Alea

Nasceu em Havana, em 1928, e é o mais importante realizador cubano do século XX. Estudou direito em Cuba e cinema em Roma. É diretor de filmes como Historias de la revolución (1960), A morte de um burocrata (1966), A última ceia (1976), Morango e chocolate (prêmio especial do júri e Teddy em Berlim 1994, melhor filme em Gramado e menção honrosa em Sundance) e Guantanamera (premiado em Gramado e Sundance 1996). Morreu em Havana em 1996.