• Pelikanblut
  • Pelikanblut
  • Pelikanblut
  • Pelikanblut
  • Pelikanblut

​Wiebke vive com sua filha adotiva Nicolina, de 9 anos, em uma idílica fazenda de cavalos. Após anos de espera, ela tem a chance de adotar outra garota, Raya, de 5 anos, e dar a Nicolina a irmã que ela sempre quis. As primeiras semanas são harmoniosas, mas logo Wiebke percebe que Raya, inicialmente tímida e encantadora, está se tornando cada vez mais agressiva e representa um perigo para si e para os outros. A mãe terá que atravessar fronteiras e tomar decisões extremas para proteger suas filhotas. Filme de abertura da Mostra Horizontes, Veneza 2019.​

Katrin Gebbe

Katrin Gebbe

​É roteirista e diretora nascida na Alemanha. Frequentou a Hamburg Media School, onde dirigiu curtas-metragens premiados. Seu primeiro longa, Nada de mal pode acontecer (2013), estreou na mostra Um Certo Olhar de Cannes. O filme ganhou o prêmio dos Críticos de Cinema da Alemanha, o Bavarian Film Award e o Prêmio da Crítica para Novos Autores no AFI Fest. Esse é o seu segundo longa.​