• SLAM: Voz de levante
  • SLAM: Voz de levante
  • SLAM: Voz de levante
  • SLAM: Voz de levante
  • SLAM: Voz de levante

​Plateia, poetas, poemas próprios e jogo de cintura: essa é a fórmula dos Poetry Slams, campeonatos performáticos de poesia falada que vêm se espalhando pelo Brasil. Nascidos em Chicago, eles fomentam a organização das comunidades em torno do encontro, da livre expressão e da escuta. O filme testemunha o crescimento da cena brasileira desde 2008, viaja às origens nos EUA e acompanha a campeã brasileira de 2016, Luz Ribeiro, até a Copa do Mundo de Slam em Paris, representando a nova onda feminista e negra que tem se firmado pela virulência poética do verbo politizado.​

Tatiana Lohmann, Roberta Estrela D'Alva
Tatiana Lohmann, Roberta Estrela D'Alva

Tatiana Lohmann, Roberta Estrela D'Alva

Tatiana Lohmann é diretora e montadora. Seu longa Solidão e fé (2011) estreou no Festival do Rio e ganhou o prêmio do público na Mostra de Tiradentes. Codirigiu o longa Todas as manhãs do mundo (2017). Roberta Estrela D'Alva é atriz, MC, diretora e poeta. Codirigiu o documentário Zumbi somos nós (2006) para a TV Cultura. Responsável pela chegada do Poetry Slam no Brasil, é curadora do Rio Poetry Slam e organizadora do Slam BR.

 




SESC GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA CULTURA ANCINE FSA BRDE CIMA CANAL BRASIL CANAL CURTA ADORO CINEMA IEH TELECINE GLOBO FILMES FIRJAN CAIXA SEGURADORA PETROBRAS LEI DE INCENTIVO A CULTURA