Depois de passar pela Première Brasil do Festival do Rio 2017, o longa-metragem ‘Como É Cruel Viver Assim’, de Julia Rezende, será exibido em Miami, Paris e Chicago, antes de estrear no Brasil, em agosto. No sábado, dia 17 de março, o filme foi exibido na categoria não competitiva ‘Cinema 360’, do Miami International Film Festival. No dia 9 de abril, o filme fará parte do 20th Festival de Cinema Brasileiro de Paris e, nos dias 16 e 18, será exibido no 34th Chicago Latino Film Festival. 


Produzido por Mariza Leão e Erica Lootty, Como É Cruel Viver Assim tem uma narrativa ácida, que mistura drama, humor e melancolia. Quatro fracassados, interpretados por Marcelo Valle, Fabiula Nascimento, Silvio Guindane e Debora Lamm, decidem fazer algo importante e armam um plano absurdo: seqüestrar um milionário. Mas não têm nenhuma experiência com crimes nem noção do que essa operação pode envolver. O elenco também conta com Paulo Miklos, Otávio Augusto e Milhem Cortaz, que fazem um trio de bandidos, além de uma participação especial de Marcius Melhem, no papel de um farmacêutico.



Voltar