• Nos années folles
  • Nos années folles
  • Nos années folles
  • Nos années folles
  • Nos années folles

​Baseado na história real de Paul e Louise, que se casaram às vésperas da Primeira Guerra Mundial. Recrutado pelo exército francês, Paul logo se fere e decide abandonar os confrontos. Para fugir do esquadrão de fuzilamento que não perdoa desertores, ele conta com a ajuda de sua mulher, que rapidamente o transforma em Suzanne, uma parisiense que se tornou uma celebridade nos agitados anos 1920. Ao receber sua anistia, Paul enfrentará o desafio de voltar a viver como homem após mais de uma década na pele de Suzanne. Do diretor francês André Téchiné. Festival de Cannes 2017.​

André Téchiné

André Téchiné

Nasceu em 1943, na França. É conhecido por filmes como Os ladrões (Cannes 1996), Rosas selvagens (1994, vencedor do César de melhor filme) e Minha estação preferida (1993). Por Rendez-vous (1985), recebeu o prêmio de melhor diretor no Festival de Cannes. Dirigiu ainda filmes como Anjo da guerra (Cannes 2003), Tempos que mudam (Berlim 2004), As testemunhas (Berlim 2007), Impardonnables (Cannes 2011) e Quando se tem 17 anos (2016).

 

 




SESC GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA CULTURA ANCINE FSA BRDE CIMA CANAL BRASIL CANAL CURTA ADORO CINEMA IEH TELECINE GLOBO FILMES FIRJAN CAIXA SEGURADORA PETROBRAS LEI DE INCENTIVO A CULTURA