• Obscuro barroco
  • Obscuro barroco
  • Obscuro barroco

​Esta é uma mistura de documentário e ficção sobre os inebriantes clímaxes do gênero e da metamorfose. É também uma homenagem cinematográfica a uma terra de extremos: a cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Seguindo os caminhos de Luana Muniz (1961-2017), figura icônica do transgênero, o filme explora
diferentes buscas por autoconhecimento através do travestismo, do carnaval e da luta política. Em troca, propões questões sobre o desejo de transformação do corpo, tanto íntimo quanto social. Exibido na mostra Panorama do Festival de Berlim 2018.​

Evangelia Kranioti

Evangelia Kranioti

​É uma artista visual nascida na Grécia e baseada em Paris. Trabalha com cinema, fotografia e instalações. Estudou direito e piano em Atenas e artes visuais e cinema na França. Seu documentário de estreia, Exotica, Erotica, Etc. (2015), foi lançado na Mostra Fórum dos Festival de Berlim. ​

 

 




SESC GOVERNO FEDERAL MINISTÉRIO DA CULTURA ANCINE FSA BRDE CIMA CANAL BRASIL CANAL CURTA ADORO CINEMA IEH TELECINE GLOBO FILMES FIRJAN CAIXA SEGURADORA PETROBRAS LEI DE INCENTIVO A CULTURA