• Systemsprenger
  • Systemsprenger
  • Systemsprenger

​Bernardette ou Benni, como prefere ser chamada, é uma menina de aparência doce, mas com muita energia contida. Aos 9 anos, a garotinha tornou-se o que o serviço de proteção à criança chama de destruidora do sistema. Tudo o que ela quer é voltar para casa com sua mãe, mas até Bianca está apavorada com a filha. Contratado para acompanhar Benni na escola, o especialista em controle de agressividade Micha oferece uma semente de esperança. Será que vai ter sucesso onde todos os outros falharam? Longa de estreia de Nora Fingscheidt, o filme estreou no Festival de Berlim 2019.​

Nora Fingscheidt

Nora Fingscheidt

​Nascida em Braunschweig, Alemanha, em 1983, dividiu o tempo de escola entre seu país natal e a Argentina. De 2008 a 2017, estudou na Academia de Cinema Baden-Württemberg. Foi indicada ao Prêmio Nacional de Curtas por seu trabalho de segundo ano, o filme Synkope, também selecionado para o Festival de Berlim 2012. Completou sua graduação com o documentário Ohne Diese Welt, vencedor do Max Ophüls 2017, entre outros prêmios. ​