Publicado em 22/12/2021

Em sua 5ª edição, o Talent Press Rio promoveu mais uma vez o encontro entre jovens críticos de países de língua portuguesa e profissionais experientes da área no contexto do Festival do Rio. O programa retomou suas atividades após um ano em recesso por conta da pandemia e ocorreu inteiramente online desta vez, um enorme desafio para todos os envolvidos.

Fruto de parceria entre o Festival do Rio, o Berlinale Talents, o Goethe-Institut, a Abraccine e a Fipresci, o Talent Press Rio teve dez participantes este ano, mais que a média habitual de seis, ampliando seu raio de alcance entre os estados brasileiros e países lusófonos. Pela primeira vez o Espírito Santo teve uma representante selecionada, por exemplo.

Entre as novidades, o coordenador do programa, Pedro Butcher, destaca a produção de video-ensaios e cartas como trabalhos finais e o desenvolvimento de um exercício colaborativo que segue em andamento. "Pensando no formato online, a programação deste ano se inspirou muito nas mudanças que foram efetuadas no Talents de Berlim, transformando menos num programa de oficina e formação profissional e mais quase como um seminário, com formação mais teórica", explica Butcher.

Os mentores deste ano, Ela Bittencourt, Ricardo Vieira Lisboa, Roni Filgueiras e Victor Guimarães, além do próprio Pedro, promoveram conversas em torno de questões relacionadas às suas pesquisas e atividades, como cinema na era do streaming, crítica colaborativa, vídeo-ensaios e crise da imprensa. A jornalista Roni Filgueiras, co-coordenadora desta edição, comenta: "Este foi um ano duríssimo para o país, em geral, e para as artes e o cinema, em particular, por isso a experiência de mentoria do Talent Press Rio 2021 se mostrou algo potente e que nos enche de esperança e alegria. Me surpreendeu positivamente a alta qualidade dos textos, a imaginação e ousadia de propostas de trabalho final que exploravam o vídeo-ensaio e o nível dos debates com nossos convidados.".

Uma tradição do programa é promover a troca de ideias entre os participantes e realizadores de filmes em exibição no Festival do Rio. Karine Teles e Gilda Nomacce (Romance), Rodrigo de Oliveira (Os primeiros soldados) e Mauricio Chades (Colmeia) participaram de encontros do tipo, assim como Pedro Guimarães, um dos autores do livro "Helena Ignez, atriz experimental".

Um dos participantes da 5ª edição do Talent Press Rio, Gabriel Araújo, de Belo Horizonte, lamenta as dificuldades da distância, mas celebra as conexões entre pessoas de diferentes gerações e experiências. "Ter, além do momento de conversa com relação à reflexão crítica, uma conversa mais prática, centrada no mercado de trabalho, com dicas de produção, publicação e publicações internacionais, foi algo que curti bastante", ele observa.

A produção do Talent Press Rio e maiores detalhes sobre o programa estão disponíveis no site talentpressrio.com.

O Festival do Rio tem o apoio da Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da RioFilme, órgão que integra a Secretaria de Governo e Integridade Pública.



Voltar